Afinal, Por Que Devo Vender no Marketplace?

Afinal, por que devo vender no Marketplace? Quais são os benefícios de um canal de vendas de largo alcance? Potencializar as vendas numa ampla plataforma é uma oportunidade de ouro para quem deseja alavancar seus negócios e virar referência dentro do seu segmento.

Em poucos passos vamos contar sobre o que hoje é a principal plataforma para expandir as suas vendas.

Marketplace como Estratégia de Negócio

De fato, vender no marketplace é uma excelente oportunidade de ampliar a visibilidade da sua loja. Essas operações investem bastante na divulgação de seus respectivos negócios, o que lhes garante um tráfego de público bem acima daquele registrado pelas lojas individualmente. No Brasil, temos bons exemplos com as principais redes varejistas que apostam alto em suas plataformas de marketplace. Falamos de empresas como Americanas, Magazine Luiza, Ponto Frio, Amazon, Netshoes, entre outras. Elas detêm uma parcela considerável de consumidores que fazem compras na internet, tendo criado uma excelente reputação junto ao mercado.

Essas marcas conquistaram a confiança do consumidor, por isso, muitas vezes ele prefere fazer suas compras nessas lojas. Vender seus produtos em marketplace é uma estratégia que pode ajudar a alavancar os resultados financeiros do seu negócio, porém, isso não significa que você deva abrir mão de ter o seu próprio e-commerce. Num cenário tido como ideal, é possível estruturar a sua loja optando por uma plataforma que integre, de forma nativa, os principais marketplaces do mercado.

Dessa forma, a operação consegue aproveitar o que cada modelo tem de melhor. Ou seja, ao mesmo tempo em que aumenta o poder de alcance da sua marca, consolida a operação própria. E se tudo estiver devidamente integrado na mesma plataforma, melhor ainda, uma vez que é possível direcionar as estratégias mais apropriadas para cada canal.

Mas de fato quais são os diferenciais do Marketplace?

Parece simplista, mas de fato, a grande vantagem do marketplace é que ele engloba facilidades para quem vende, para quem compra e para quem opera. Na sequência vamos mostrar algumas delas:

Visibilidade da Loja Virtual

O pequeno lojista, que em tese não teria muitos acessos em uma loja virtual individual, ganha visibilidade e poupa esforços de publicidade e marketing, que por vezes geram despesas sem o retorno esperado. Além disso, acompanhando suas métricas no marketplace, ele pode identificar melhores práticas, tendências e soluções para problemas que possam estar afetando o desempenho do negócio.

Aumento de Receita para o Operador

Para o operador do marketplace, esse modelo de negócio impulsiona as suas receitas através de comissão recebida pelas vendas. Com a variedade de produtos ofertados, isso estimula a compra, impactando no ticket médio da loja, que por consequência aumenta, podendo impactar até na fidelização de novos clientes.

Preços Atrativos para o Consumidor

Aquele que é a razão da sua existência, nessa rede de vantagens é o que tem que sair ganhando sempre. Falamos do consumidor. Para ele, a principal vantagem é encontrar produtos de diversos segmentos em um só lugar. Além disso, acessa preços mais competitivos e consegue comprar de diferentes lojas pagando pelos produtos em uma única transação.

Por fim, fica claro que nos dias atuais, com a internet oferecendo uma gama infinita de oportunidades de negócios, ter apenas uma loja virtual já não é o bastante para alavancar as vendas. Não basta apostar só em um canal de vendas, hoje o maior movimento do e-commerce se concentra nos marketplaces. Ignorar a força dessas plataformas, é ignorar um canal bilionário de vendas, que entre 2018 e 2019 girou em torno de 50 bilhões de reais, onde mais de 80% das vendas estava concentrado nos marketplaces.

__

É dessa forma que a Vitalbyte oferece a integração do ERP com a sua loja virtual e os marketplaces. Entre em contato com nossos especialistas, nós podemos auxiliar o seu negócio a faturar mais.



Deixe uma resposta